A grande aventura


Publicado em 17/05/2021

A grande aventura

Imagem da publicação de isaquefranklin

Escrito por @isaquefranklin




Eu possuo um ritual bem peculiar antes de dormir, um desses costumes que temos quase que de forma inconsciente e sem alguma explicação aparente, eu abro a janela e olho para o céu noturno.

 

Eu durmo por volta de meia-noite, portanto nesse horário o céu já está bem escuro, eu fico alguns minutos admirando o céu, se algum objeto astronômico estiver a vista, como uma superlua ou algum planeta, às vezes eu pego um binóculo para uma observação mais assertiva e uma maior comtemplação. O porquê de eu fazer isso? Não sei direito, só sei que tenho que fazer.

 

 

Estava pensando nisso um dia desses e minha linha de raciocínio me levou a um lugar bem interessante. Nosso mundo é muito pequeno, são coisas pequenas, trabalho, faculdade, academia, e repetimos o ciclo, nós passamos quase o dia inteiro dentro de casa ou dentro de algum outro lugar fechado, como um escritório ou uma sala de aula, e quase nunca olhamos para cima.

 

O céu é a visão da liberdade suprema, assim como o universo em si é um dos grandes mistérios do conhecimento, isso gera um sentimento de aventura, uma excitação por ação e por desbravar, acredito que desperta o que existe de mais humano, a aspiração pela liberdade e pela aventura.

 

 

Creio que no final das contas precisamos de aventura, precisamos desbravar novos mares e construir novas coisas, o sentimento de estabilidade, a segurança que muitos prezam, financeira ou de vida, é uma gaiola onde não podemos ser o que realmente somos, e ficamos presos ao mundo com nossas próprias ilusões mentais e apego ao mundo material sem nunca olhar para o transcendente.

 

O olhar para o universo desperta a ordem que nos foi dada por Deus no jardim do Éden, a de dominarmos sobre tudo e desbravarmos tudo, dar nome aos animais e viver a nossa grande aventura.

 

Eu cheguei a conclusão que quero aventuras, eu quero velejar novos mares, pilotar novas máquinas, construir novas coisas, eu quero a liberdade ao invés da estabilidade, que quero viver a minha aventura, lutar a minha batalha e resgatar a minha donzela, eu rejeito a gaiola que querem me impor e olho para o céu.

 

" O meu repouso é a batalha. "

- Dom Quixote




Leia mais publicações de @isaquefranklin.



Se cadastre agora mesmo e comece a compartilhar seu conteúdo, você tem o que dizer.











Blogme © 2021